• Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT)

A Cátedra Infante Dom Henrique para os Estudos Insulares Atlânticos e a Globalização (CIDH) integra o programa Cátedras Convidadas da FCT.

No âmbito do acordo estabelecido, desenvolver-se-ão atividades de natureza científica e académica. Liderar uma equipa de investigação, participar na formação de investigadores e de estudantes, desenvolver cursos de formação avançada, proferir palestras e seminários e contribuir para a promoção da cultura científica serão algumas das ações desenvolvidas pela CIDH.

  • Centro de Literaturas e Culturas Lusófonas e Europeias da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa (CLEPUL)

O Centro de Literaturas e Culturas Lusófonas e Europeias da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, fundado em 1974 por Jacinto Prado Coelho, tem, atualmente, mais de 500 investigadores distribuídos por 7 grupos de investigação e 7 polos, desenvolvendo, em interação com uma vasta rede de relações nacionais e internacionais, um trabalho de pesquisa na área das Ciências Literárias e da História da Cultura.

Através da parceria entre o CLEPUL e a CIDH, pretende-se criar e divulgar conhecimento científico, nomeadamente por meio do desenvolvimento de projetos editoriais e da realização de eventos científicos e pedagógicos.

  • Instituto Europeu de Ciências da Cultura Padre Manuel Antunes (IECCPMA)

O Instituto Europeu de Ciências da Cultura Padre Manuel Antunes é uma instituição criada pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa em parceria com a Escola Superior de Artes Decorativas da Fundação Ricardo do Espírito Santo Silva. Tem uma relevante interface de pesquisa e de ensino, que promove uma cultura avançada e interdisciplinar, e é responsável pela editação de diversas obras de referência e de divulgação científica e cultural, através da sua chancela Teya Editores.

A parceria estabelecida pressupõe o desenvolvimento de projetos de investigação, a realização de eventos e a edição de livros.

  • Centro de História de d’Aquém e d’Além Mar (CHAM)

O Centro de História de d’Aquém e d’Além Mar tem uma ação fundamental no progresso do conhecimento científico em Portugal, destacando-se a sua intervenção na área da investigação interuniversitária.

            Através do acordo estabelecido, a investigação e o ensino desenvolvidos na Universidade Aberta e na Cátedra Infante Dom Henrique para os Estudos Insulares Atlânticos e a Globalização serão potenciados, designadamente através da facilitação da consulta de documentação e da publicação de obras.

  • Biblioteca Nacional de Portugal (BNP)

A Biblioteca Nacional de Portugal desempenha um papel determinante na produção e difusão do conhecimento científico, nomeadamente através da sua larga experiência no domínio da edição científica.

Além de permitir a consulta de documentação e a publicação de obras, o acordo com a BNP levará à criação de projetos editoriais conjuntos.

  • Câmara Municipal de Alenquer

A Câmara Municipal de Alenquer tem apostado fortemente na política cultural do concelho, como se verifica através da promoção da realização do Congresso Internacional do Espírito Santo, em 2016, que acontecerá pela primeira vez em Portugal continental.

A parceria com a CIDH surge no âmbito da potenciação do tema da evolução do culto do Espírito Santo, visando a criação de sinergias para a devida organização de eventos culturais e científicos associados ao Congresso.

  • Biblioteca Rio-Grandense (BRG)

A Biblioteca Rio-Grandense, fundada em 1846, é a mais antiga biblioteca e instituição de cultura do Rio Grande do Sul, unidade federativa do Brasil, e uma referência para investigadores de todo o mundo, devido ao seu vasto espólio bibliográfico. É, além disso, uma entidade que desenvolve o acesso à cultura e que estimula a investigação e produção científicas.

O acordo de cooperação com a CIDH visa aumentar a qualidade da ciência e do ensino em Portugal, assim como a empregabilidade científica, através de uma política de edição científica eficiente e de iniciativas de mérito cultural e científico.

  • Imprensa Nacional-Casa da Moeda (INCM)

A Imprensa Nacional-Casa da Moeda, criada em 1768, tem uma larga experiência no domínio da edição científica. Através do acordo de cooperação, a INCM será parceira da CIDH na publicação de vários tipos de obras, em diferentes formatos, e potencializará a divulgação da atividade editorial da Cátedra.

  • Academia de Marinha (AM)

A Academia de Marinha é um órgão com autonomia científica que tem por missão promover e desenvolver os estudos e os conhecimentos relacionados com a história, as letras, as artes, as ciências e o mar e atividades marítimas.

A cooperação far-se-á através do desenvolvimento de projetos de investigação, da realização de eventos e da edição científica. Um dos projetos consiste na preparação da Obra Completa de Fernando de Oliveira, a ser editada pela Fundação Calouste Gulbenkian, que integra a participação de membros da Academia de Marinha especialistas na área, bem como a disponibilização de documentação sobre uma das mais importantes obras de Fernando de Oliveira, Ars nautica.

  • Instituto Prometheus / PAEHI – Associação para Estudos Históricos Interdisciplinares

O Instituto Prometheus / PAEHI – Associação para Estudos Históricos Interdisciplinares tem como principais objetivos o desenvolvimento de estudos e de investigação nas áreas da História, Arqueologia, Estudos Árabes, Estudos Europeus, entre outras, assim como a captação de público interessado nas referidas áreas.

            Este Protocolo privilegia o desenvolvimento de projetos conjuntos de investigação, realização de eventos e edição científica, nomeadamente de livros.

  • Universidade do Estado de Santa Catarina

A Universidade do Estado de Santa Catarina, instituição de referência de ensino superior sediada na capital do Estado de Santa Catarina, Brasil, tem como objetivo a preservação e difusão do conhecimento científico, tecnológico, artístico, desportivo e cultural por meio da promoção de atividades de ensino, de pesquisa e de extensão.

Tendo em vista esses objetivos, com o presente Protocolo pretende-se igualmente o desenvolvimento e aprofundamento da qualidade da ciência e do ensino em Portugal, bem como o fomento da empregabilidade científica. Assim, a cooperação centrar-se-á nas áreas de edição científica (nomeadamente em projetos conjuntos de edição de revistas académicas) e de oferta pedagógica (designadamente na organização de congressos e cursos/seminários de custa duração).

  • Câmara Municipal da Póvoa de Varzim

No âmbito de uma estratégia de afirmação cultural, a Câmara Municipal da Póvoa de Varzim (cidade à qual estão associados importantes nomes da cultura portuguesa, tais como Eça de Queirós, Gomes de Amorim, António Nobre, Ramalho Ortigão, Raul Brandão, Camilo Castelo Branco, José Régio, entre outros) pretende criar a Casa de Memórias, que consiste na musealização da casa de um dos seus mais recentes ilustres cidadãos, o Professor João Francisco Marques.

Este protocolo visa, portanto, o desenvolvimento de projetos comuns, com o objetivo de contribuir para o aumento da qualidade da ciência e do ensino em Portugal.

  • Diocese de Bragança-Miranda e Município de Bragança

A Diocese de Bragança-Miranda, originalmente criada sob o nome de Diocese de Bragança, a 5 de março de 1770, congrega atualmente um vasto número de territórios. O Município de Bragança, para o qual a cultura se constitui como uma área de intervenção prioritária, apresenta uma eclética oferta cultural, onde a arquitetura contemporânea convive com desfiles, e os museus expõem tanto a herança etnográfica da região como as últimas criações de artistas consagrados. Neste âmbito, é de realçar que a história eclesiástica de Bragança se encontra profundamente marcada pelo Monsenhor José de Castro, cuja herança se pretende preservar e divulgar.

Deste modo, o presente acordo de cooperação visa a criação e o desenvolvimento de projetos editoriais e de investigação conjuntos.

  • Centro de Estudos de Cultura, História, Artes e Património (CECHAP) 

 O Centro de Estudos de Cultura, História, Artes e Património é uma associação sem fins lucrativos que visa descentralizar o estudo nas áreas da cultura, da história, das artes e dos diversos patrimónios, procurando a salvaguarda, a sensibilização, a promoção e a divulgação das potencialidades culturais das comunidades locais.

Através deste acordo, pretende-se desenvolver projetos de investigação e de ensino e projetos editoriais, bem como realizar eventos de caráter científico.

  • Associação de Jogos Tradicionais da Guarda (AJTG)

 A Associação de Jogos Tradicionais da Guarda é uma entidade privada sem fins lucrativos que tem como propósito incentivar a prática de jogos tradicionais e de outras atividades culturais de âmbito tradicional.

            A presente parceria visa desenvolver projetos conjuntos de investigação e de ensino (nomeadamente através da realização de conferências, seminários, congressos, fóruns, jornadas e de encontros de promoção da cultura lúdica tradicional), assim como de edição científica de publicações.

  • Secretaria da Educação do Estado de São Paulo

 Fundada no início da década de 30, a Secretaria da Educação do Estado de São Paulo possui a maior rede de ensino do Brasil, com 5,3 mil escolas, 230 mil professores, 59 mil servidores e mais de quatro milhões de estudantes.

O presente acordo tem como propósito a cooperação no âmbito da realização de projetos conjuntos de investigação e de ensino, de entres os quais se destacam As Obras Pioneiras da Cultura Portuguesa e a Obra Completa do Marquês de Pombal.

  • Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias (ULHT)

A Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias é uma instituição do sistema de ensino superior português. Possui competências no âmbito da matéria letiva, bem como das tecnologias necessárias à administração do ensino a distância.Esta parceria tem em vista uma aposta estratégica relativamente à edição científica de trabalhos, ao desenvolvimento de projetos de investigação, à realização de eventos (de índole científica, técnica, pedagógica e/ou de extensão universitária) e à preparação de ofertas pedagógicas (em regime misto de ensino, ou seja, em b-learning), dando especial atenção aos Estudos Teológicos.

  • Centre for English, Translation and Anglo-Portuguese Studies da Universidade Nova de Lisboa (CETAPS), e o seu polo na Faculdade de Letras da Universidade do Porto

O Centre for English, Translation, and Anglo-Portuguese Studies é uma unidade de investigação, com seis grupos de investigação, que reúne investigadores e colaboradores predominantemente da Faculdade de Letras da Universidade do Porto e da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa. Dedica-se à organização de encontros científicos, à edição e organização de livros, à publicação de artigos e à preparação de ofertas formativas para jovens investigadores. Além disso, está associado a programas de mestrado e de doutoramento, nacionais e internacionais.

A cooperação entre os parceiros desenvolver-se-á, sobretudo, através da realização de projetos conjuntos de investigação e de ensino, em particular do projeto Portugal em Jogo de Espelhos, coordenado pelo Diretor da CIDH, José Eduardo Franco, e pela Coordenadora da CETAPS Porto, Fátima Vieira.

  • Instituto de Estudos de Literatura e Tradição (IELT) / Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa (NOVA FCSH)

 O Instituto de Estudos de Literatura e Tradição da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa é um centro de investigação dedicado aos estudos literários, que procura relacionar o objeto literário com outras disciplinas das ciências sociais e das humanidades (através de uma prática inter ou multidisciplinar), bem como questionar as relações entre memória, tradição e modernidade.

Deste modo, o presente protocolo revela-se benéfico para as duas instituições, que cooperarão no sentido de aumentar a qualidade da ciência e do ensino em Portugal, empenhando-se, para isso, no desenvolvimento de uma política de edição científica eficiente e de iniciativas de mérito cultural e científico.

  • Centro de Estudos Humanísticos da Universidade do Minho (CEHUM)

 O Centro de Estudos Humanísticos da Universidade do Minho dedica-se à investigação nas áreas da literatura, ciências da linguagem, filosofia e cultura, segundo um escopo que se pretende interdisciplinar e transdisciplinar, reunindo investigadores de domínios científicos muito diversificados, desde a teoria literária, aos estudos literários e linguísticos, à filosofia, aos estudos culturais e artísticos.

Através desta parceria, as instituições cooperarão em matéria de pesquisa, de edição científica de trabalhos produzidos e da realização de eventos.

  • Université Panthéon-Assas (Paris II)

Através deste acordo com a Université Panthéon-Assas (Paris II), as duas instituições implementarão formas de cooperação educacional e académica no campo da ciência da informação e comunicação, bem como dos estudos globais.

  • Fonds de Dotation de l’EHESS

Esta parceria com o Fonds de Dotation de l’EHESS visa o desenvolvimento de projetos de investigação de pós-doutoramento no âmbito dos estudos globais.

  • University of Colorado

 Fundada em 1876, a Universidade do Colorado é uma universidade pública dos Estados Unidos da América com mais de 33 mil estudantes e de 150 programas académicos.

            O acordo de cooperação com esta instituição visa, sobretudo, o desenvolvimento de projetos conjuntos de investigação, de entre os quais se destaca a plataforma digital Portugueses de Papel, que consiste numa base de dados de personagens portuguesas do romance brasileiro.

  • University of the Philippines, Diliman
  • University of Jyväskylä
  • Kyung Hee University

Estes são acordos de cooperação científica e cultural para a realização de projetos conjuntos de pesquisa e publicação, com critérios e condições específicas a serem definidos para cada projeto.

  • Câmara Municipal de Vila Viçosa e Confraria de Nossa Senhora de Vila Viçosa

 

  • Agência Regional para o Desenvolvimento da Investigação, Tecnologia e Inovação (Madeira)

 

  • World Communication Association

 

  • Universidade Presbiteriana Makenzie de São Paulo

 

  • Universidade do Estado de Santa Catarina

 

  • Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias (ULHT)

Com o protocolo entre a CIDH e a Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias são estabelecidas relações de colaboração nos domínios da valorização social e da qualificação das competências da população adulta, tendo em vista o desenvolvimento de um projeto plural e coletivo para a promoção da cidadania e liberdade intelectual, inovação e criação do conhecimento na sociedade digital.